sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Para que guardar mágoas?

"Mágoa é tomar veneno e esperar que o outro morra". 
 William Shakespeare 

Fim de ano é uma época propícia para reflexões, além de ser a oportunidade para mudar e começar de novo. 

Aproveitando essa situação quero deixar um texto muito legal encontrado pela net sobre um comportamento, o qual não consigo entender: guardar mágoas.

Nessa minha vida passaram muitas pessoas que me fizeram muito mal, posso afirmar categoricamente, eu teria motivos fortes o suficiente para guardar ressentimentos, mas não sou assim.

Adianta algo ficar remoendo fatos passados? Só nos prejudica e é por isso que prefiro ter em meu coração somente as lembranças boas...



 Você alimenta mágoas? Então leia isso...

"Mágoa: sentimento este que como uma nuvem densa encobre todo e qualquer outro sentimento que tenhamos.

Podemos ter um amor imenso, um carinho infinito e uma admiração sem limites, mas, quando esta pessoa nos magoa profundamente, tão profundamente que sabemos que levaremos isso para o  último suspiro de nossas vidas, tudo o que era de mais divino e tão forte sentimento é encoberto por outro tão poderosamente e mais forte que nada e ninguém neste universo pode impedir que ele nos tome por inteiro, corrói nosso coração e dilacera nossa alma.

Engraçado, mas tenho a impressão que podemos deixar de odiar, mas não podemos deixar de sentir mágoa.

Que sentimento tão poderoso é este que nos acompanha onde quer que vamos, que está enraizado em todo o nosso ser e que nos mata aos poucos.

Muitas doenças são passíveis de cura com o avanço da medicina, mas até hoje ninguém conseguiu achar um antídoto poderoso o suficiente para curar a mágoa.

Quando perguntamos a alguém: - Você ainda está magoado com tal pessoa? e por uma questão de costume ou educação as pessoas nos respondem que não....

Então, formulamos a pergunta de outra forma: - o que foi mesmo que aquela pessoa te fez? E ouvimos a narrativa detalhe por detalhe de todos os acontecimentos e podemos ver nos olhos da pessoa o brilho do rancor, a voz muitas vezes embarga, mas ao final ela torna a dizer, eu não sinto mais mágoa, já esqueci.

Tolos, é claro que não esqueceram, lógico que não perdoaram, é obvio que a mágoa está lá como ferrugem, corroendo aquele coração e alma.

Esquecemo-nos dos aniversários de entes queridos, de datas de grande alegria, de momentos felizes, mas daqueles que nos magoaram e seus atos, isso jamais!!!

Há sempre um fato, uma palavra, uma cena, uma atitude que estará lá para nos lembrar sempre... Fatalmente, incontestavelmente.

A mágoa vai consumindo cada célula de nosso corpo, somatizando dia a dia, nos destruindo silenciosamente (...)".

Autor desconhecido 

Hoje é o último dia do ano, pratique o desapego, seja evitando guardar as mágoas ou doando roupas que não usa mais... Adeus 2010!

Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Juuh s2 disse...

amei <3
e concordo, a mágoa é um sentimento horrivel, q nós temos q tentar tirar da nossa vida, embora seja muuuito dificil...
segue e aceita parceria tbm? http://tiquetaque-ja.blogspot.com/
bjinhos

Aurelia Mattos disse...

Desejo feliz ano novo. bjs
www.aureliamattos.com.br

Postar um comentário

* Informações sobre produtos: clique na imagem ou leia o post *

Para todos os outros comentários: muito obrigada!

Related Posts with Thumbnails